"Licitação Apucarana" faz mais de 100 transmissões ao vivo

As gravações dos vídeos de todas as licitações ficam disponíveis no canal do "YouTube" e podem ser assistidas a qualquer momento

29 de Outubro de 2018
Desde meados de julho, quando foi lançado o canal "licitação Apucarana" no "YouTube", já foram feitas 101 transmissões ao vivo. O sistema foi criado para aumentar ainda mais a transparência nos processos licitatórios do Município. As sessões, que já eram abertas ao público, agora também podem ser acompanhadas pelo celular ou de um computador, sem a necessidade de deslocamento até a Prefeitura.

O balanço foi divulgado nesta quinta-feira (11/10) pelo setor de Compras e Licitações da Prefeitura. "Além da transmissão ao vivo pela internet, as gravações dos vídeos de todas as licitações ficam disponíveis no canal e podem ser assistidas a qualquer momento", frisa Márcio Cezar Pereira Lima, diretor municipal de Compras e Licitações.

O canal conta atualmente com 61 inscritos e a média é de 20 visualizações por transmissão. "Os licitantes têm elogiado bastante a iniciativa, pois a transmissão pela internet facilita o acompanhamento das sessões, tanto por parte da população quanto dos proprietários das empresas participantes que normalmente enviam representantes", observa.

De acordo com ele, neste período a maior licitação foi para a contratação da empresa que irá construir uma escola no Jardim Interlagos. "Foi na modalidade concorrência pública e contou com seis empresas participantes, sendo que a proposta vencedora foi no valor de R$ 4.380.060,12", detalha.

Outro grande processo licitatório ocorreu visando a implantação do sistema de iluminação pública no Residencial Fariz Gebrim, no valor de R$ 605.617,50. "Também fizemos tomadas de preço para reformas nas unidades básicas de saúde localizadas nos distritos de São Domingos, Barreiro e Correia de Freitas, além da Vila Rural Nova Ucrânia e núcleos habitacionais Castelo Branco, Parigot de Souza e Recanto do Lago", cita o diretor de Compras e Licitações.

TRANSPARÊNCIA – O prefeito Beto Preto afirma que transmissões ao vivo complementam as ações que visam dar transparência aos processos licitatórios. "O assunto vinha sendo discutido deste o início do ano com a Secretaria de Gestão Pública, quando a lei para a implantação das transmissões ao vivo das licitações foi aprovada na Assembleia Legislativa. Outra medida que adotamos foi a instalação de câmeras para monitoramento na portaria do prédio, nos corredores da prefeitura e em outros setores, também como forma de coibir ´acordos` entre licitantes", pontua Beto Preto.

As transmissões abrangem todos os processos licitatórios, tanto da Prefeitura quanto das autarquias municipais, como as de Educação e Saúde. Para viabilizar a plataforma digital, o município adquiriu duas câmeras, quatro microfones – para captação de áudio nos ambientes e da equipe de licitação da prefeitura -, além de duas mesas de som para atender duas salas de licitação.